Trendy Lady: Sarah A. Abdallah e seu design funcional

The Beginning

LM: Seu design é impecável. Conte-nos um pouco mais sobre como tudo começou…
Minha carreira não tomou o curso natural. Eu vim de dois pais egípcios que imigraram para Nova York no meio dos anos 70, jovens e destemidos como eles são, ainda tinham as mesmas atitudes de pais que migraram antes deles. Por conta disso, tenho uma experiência variada. Tenho duplo BA (BFA em Fine Arts com foco em Arte e Tecnologia e BA em Psicologia com foco em terapia artística e estudo do gênero), Masters em High Education e Psicologia da NYU e Certificado AAS em Design de Interiores na Parsons School of Design. Certificado do programa CAMES (Center for Arab and Middle Eastern Studies) na AUB (American University of Beirut), onde passei 6 meses vivendo em Hamra em um Programa de Língua Árabe avançado. Eu também peguei 5 meses para crédito em cursos na FIT em Moda para Padrão de Vestuário para Mulheres, e refinando minhas habilidades em costura. Além disso, eu amo participar de palestras. Por algum tempo eu passei toda semana na Columbia University por eu ter um monte de amigos inscritos na MESAAS Master Program (Estudos do Oriente Médio, Sul Asiático e Africano), e os outros estudantes do Masters pensaram que eu era uma estudante do programa em tempo integral. Eu continuei a explorar e comparecer às palestras em Arte, Cultura e Política porque eu realmente acredito que a Arte é a plataforma mais fácil para abrir o diálogo para política, e agora estamos vendo muitas marcas de lifestyle e moda pegando esse papel.

Ph: Claire Esparros

Get Creative!

LM: Como funciona seu processo criativo?
Meu processo criativo começa quando faço pesquisa no local de prédios e cidade e entendendo a cultura que os cerca. Eu observo competidores no mesmo mercado que meus clientes. Depois de reunir toda a pesquisa necessária, eu começo um brainstorming e conto uma história visual através da pesquisa de imagem. A partir daí a magia acontece.

Ph: Claire Esparros

LM: Qual é a sua abordagem para trabalhar com clientes de estilos de vida diferentes em hospedagem?
Eu penso que me orgulho em produzir diferentes tipos de trabalho no estúdio para que possamos adaptar para diferentes clientelas e suas marcas de lifestyle. Diferente de muitos outros designers, eles têm estéticas especiais que eles se prendem também e nós adaptamos aos nossos clientes, o que nos permite criar algo específico para cada marca de lifestyle.

 

Ph: Claire Esparros

She made it!

LM: Como é a sua empresa?
Functional Creative Design está baseada em Nova York, um estúdio colaborativo e multidisciplinar fundado em 2014 com foco na indústria de hospedagem. O estúdio é dedicado em criar espaços inovadores e funcionais, tanto para os usuários quanto para os funcionários que operam com ele, consequentemente fundindo form + function. Functional Creative Design é uma coleção de indivíduos com uma variedade de base em arquitetura, design de interiores, moda e artes gráficas. O time usa uma abordagem integrada, utilizando e trabalhando próximo de artistas locais, artesãos, subempreiteiros e construtores. Sustentabilidade é o guia central da abordagem dos estúdios, procurando caminhos para reduzir o desperdício e reusar sempre que possível. O estúdio é inspirado em materiais arquitetônicos naturais unidos a tecidos têxteis que podem ser usados para móveis e detalhes arquitetônicos interiores.

 

Ph: Claire Esparros

LM: Qual foi a maior reviravolta em sua carreira?
Existem duas reviravoltas diferentes em minha carreira de Arquitetura e Design de Interiores; enquanto estava como um consultor sênior para David Rockwell do Rockwell Group e leading design para a Neuehouse NY e LA, eu estava fazendo malabarismo com os projetos do Rockwell e esse projeto estava no escritório por 10 meses (…) e foi quando eu fui chamada para liderar o time no lado de design para ajudar a juntar o espaço entre conceito e produto final. Em 2016 a Contract Magazine premiou o time do Grupo Rockwell com o Prêmio da categoria de Large Office para a Neuehouse NY, e ficar de pé na frente de mais de 600 profissionais mundialmente renomados para receber esse prêmio com David e o time foi um dos meus momentos mais recompensadores. Meu grande projeto final para a Rockwell Group (…), liderando um time de 6 pessoas no design da Amenities Center da Rockwell Group, me fez perceber que era hora de eu finalmente deslanchar sozinha e fazer meu próprio trabalho em tempo integral. A segunda grande reviravolta em minha carreira aconteceu em junho de 2017. Eu fui convidada para ser a fundadora do Restaurants and Bar Awards para enviar meus projetos para serem considerados para um prêmio e eu descobri que nós entramos para a shortlist do American Bar pelo nosso projeto VNYL no East Village, um grande marco para mim e para a empresa.

ph: Claire Esparros

LM: O que é único sobre o Design Criativo Funcional?
Nossa abordagem única e holística do design. Todo mundo tem todo tipo de receitas diferentes de como criar, e nós temos nosso distinto. Nós trabalhamos com projetos inovadores para empurrar barreiras e estamos na ponta das novas tendências das novas tecnologias e realmente entendendo o comportamento humano e como isso afeta a arquitetura e o design de interiores do espaço. Os clientes, hoje em dia, querem que as experiências sejam locais em sua terra natal e global quando viajam. Entendendo as marcas de lifestyle em geral e dobrando essas linguagens também é extremamente importante para nós para ajudar a construir em cima da Brand Story existente do cliente.

ph: Claire Esparros

LM: Quais sãos os principais conceitos para um projeto?
Funcionalidade, pensar além das regras, criar impacto na interação do indivíduo ou em grupo, criar movimento no ambiente, ajudando pessoas a ter experiências única

 

Success

LM: Qual é a sua definição de sucesso?
Sucesso pode ser definido em muitas maneiras. No contexto do design, para mim, sucesso significa criar um espaço que pode ser realmente ativado pelos indivíduos que visitam e usam esses espaços e que leva para uma vida cheia de interações com significados, criando energia positiva em suas vidas.

LM: Se você tem um conselho para alguém que está começando, qual seria?
Eu tenho tantos conselhos para dar, já que aprendi tanto por meio de minha jornada… Acredite em você mesmo, não importa o que aconteça! Não deixe o medo de outros de suas próprias jornadas criarem barreiras em seu próprio sucesso. Seja destemido e confie em seu instinto. Quando você tem a intuição de que você cresceu além dos parâmetros existentes de onde quer que você esteja, você precisa ter fé para dar o próximo passo em sua carreira.

ph: Pedro Arieta

Inspiring

LM: Onde você procura inspiração?

Tiro minha inspiração de muitas coisas. Eu cresci viajando entre NYC e Cairo e isso lançou uma alegria e formulou um hábito inato e amor por viajar… então, quando eu exploro o globo eu encontro inspiração em toda a parte. Eu também sou uma artista por treinamento e tenho tentado extrair e fazer coisas pela mão começando com 6 anos de idade, então esse processo de ser tátil e explorar e fazer coisas com a mão também traz inspiração. Eu também encontro inspiração fazendo pesquisa histórica. Eu também tiro inspiração da moda e seu jeito a frente de nós em trend setting, jóias, saúde e bem estar, e minha base em psicologia coloca outra parte de inspiração e aproximação.

LM: Quem desta indústria mais a inspirou e por que?
Essa é uma pergunta difícil. Tem tanta gente que eu conheço que me inspira. Meu primeiro mentor e professor na indústria, com quem trabalhei por 3 anos, foi Tony Chi da Tony Chi and Asssociates, que realmente me ensinou tudo que eu sei e realmente me inspirou. Ele e seu time executivo, Johnny, Bill e Nelson realmente pavimentaram um caminho para que eu olhasse o design com olhos cuidadosos e também com olhos de hospitality, checando os mínimos detalhes… para combinar o design do uniforme do time, branding, table top designing, tudo com detalhes cuidadosos e funcionais.  Ian Schrager Hotelier e Real Estate Developer e seu mentor Ben Pundole, que é o VP de Brand Experience e Editor Chefe no AHotelLife; Eu diria que também me inspira, por seu estilo de vida construindo a capacidade e realmente empurrando barreiras para criar tipos diferentes de verso público e privado e pontos de ativação na experiência de hotéis. (…) Estando no ramo de hospedagem você realmente precisa entender mais do que apenas criar interiores lindos, esses são negócios de operações que realmente precisam estar na linha de frente de suas próprias indústrias para ter sucesso o suficiente para gerar fluxo de caixa e também para criar buzz. Com as mídias sociais sendo uma das maiores plataformas de publicidade, você precisa ser inovador para continuar competitivo.

ph: Pedro Arieta

Lifestyle

LM: Qual é o seu estilo de vida?
Meu estilo de vida é baseado em coisas que amo fazer, que sou apaixonada, e ser uma designer que nunca para de viver e respirar o design. Saúde e bem estar é um grande componente de quem eu sou, eu era atleta desde os 10 anos de idade, e depois me tornei corredora Varsity por mais de 20 anos, eu fui atrás de ser ciclista e fazer yoga, e depois meditação. Cresci em uma casa egípcia e meus pais amavam entreter. Minha mãe passava horas preparando aquelas refeições lavish para as visitas e ficavam acordados até as tantas.

SHOWHIDE Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

@lifestylemag

Cosmopolitan and authentic, Lifestyle Mag is one of the publications of Claur; born in São Paulo and made with love in New York City.

Thanks babe!

error: Content is protected !!