Tradição e história nas velas de Cire Trudon


Velas aromáticas já ganharam o coração de muita gente, mas estão se tornando cada vez mais queridinhas. Elas são tão desejadas porque, além de decoração, deixam o ambiente mais aconchegante e relaxante. Entre as diversas opções, a marca Cire Trudon é a que mais se destaca pela tradição e história – palavras que também definem Trudon, o fabricante de velas mais velho do mundo.

Tudo começou em 1643, quando Claude Trudon chegou a Paris durante o reinado de Luís VIII e abriu a pequena mercearia em Saint-Honoré. Havia um pouco de tudo, incluindo velas artesanais produzidas por sua família. Das pessoas mais simples do bairro, igrejas e até a realeza, as velas tornaram-se cada vez mais populares pela forma como foram produzidas, com apenas extratos de plantas – método de fabricação preservado até hoje.


E assim os produtos entraram nos palácios da corte, com clientes como Marie Antoinette, Louis XVI e Napoleão Bonaparte. Em 1737, o herdeiro da família, Jérome Trudon, comprou um dos mais importantes fabricantes de cera da época: a Manufacture Royale de Cyre, consolidando a casa em seu métier. Igrejas parisienses como a Saint-Roche mantêm a tradição de usar velas Trudon desde 1643.

Ótimos restaurantes em Paris e os grandes nomes da moda como Hermès, Kenzo, Dior e Cartier, também se juntaram aos pedaços do rótulo. Dentro dos inúmeros aromas, formas e padrões, a mais recente é a edição limitada das velas Rose Poivrée e Positano, criada em parceria com o designer Giambattista Valli para celebrar a abertura da primeira loja em Paris.

Buy online.

SHARE
SHOWHIDE Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

@lifestylemag

Cosmopolitan and authentic, Lifestyle Mag is one of the publications of Claur; born in São Paulo and made with love in New York City.

You have Successfully Subscribed!

error: Content is protected !!