Get your exclusive copy
MADE JUST FOR YOU

PRE-ORDER

CHAT WITH US!
Text Lifestyle Mag on:

What's App

It's Babba's World

O sucesso da influencer e empresária Sueca 
Por: Heloísa Lima

Da Suécia a Nova York, Babba C Rivera tem o mundo na palma de suas mãos. Vencedora de inúmeros prêmios ao longo de sua carreira e fundadora das empresas bybabba e Ceremonia, agência de marketing e marca de produtos para cabelo respectivamente, a influencer é tudo e mais um pouco do que vemos em poucos segundos nas redes sociais.

Com um senso estético impecável e uma mente brilhante, Babba se mostra ainda mais encantadora durante uma boa conversa cheia de verdade e espontaneidade. Para conhecer um pouco mais sobre a vida por trás do seu feed no Instagram, confira nossa entrevista com Babba C Rivera.

Lifestyle Mag: Como você iniciou sua carreira de marketing? 

 

Babba C Rivera: Estudei vendas e marketing internacional e me apaixonei pela filosofia do marketing desde o início. Ao me formar, estava determinada a aplicar meus novos conhecimentos de marketing em novos canais e comecei minha carreira com foco em marketing de mídia social. Isso estava se tornando cada vez mais importante na época, e a maioria dos profissionais de marketing estabelecidos não tinha experiência aqui. 

 

Depois de trabalhar em empresas de rápido crescimento como Uber e Away, comecei minha própria agência de marketing de marca porque queria reescrever o roteiro para o modelo de agência e criar uma agência de próxima geração que atendesse às marcas unicórnios do futuro.

 

Para mim, a agência foi o ponto de entrada perfeito para o empreendedorismo porque não exigia nenhum financiamento para começar e também não implicava muito risco. 

 

O negócio cresceu organicamente, tive a oportunidade de aprender com meus próprios erros e crescer como líder e empreendedora. Então, quando chegou a hora de pensar na minha próxima empresa, eu imediatamente soube que estava pronta para um empreendimento maior e me inspirei nos muitos fundadores com quem trabalhei e que levantaram capital de risco para construir seus negócios.

LM: Moda e marketing parecem ser duas de suas maiores paixões, como você concilia as duas no dia a dia? 

 

BCR: A moda sempre foi uma paixão minha desde que me lembro. Minha mãe me conta histórias sobre como eu, ainda com quatro anos de idade, tinha um senso de identidade tão forte e queria escolher minhas próprias roupas. 

 

Comecei a trabalhar aos 14 anos junto com a escola para bancar minha paixão pela moda, e passava um tempo refazendo peças de brechós para torná-las mais elegantes e depois as revendia no eBay. 

 

Hoje, a moda é uma ferramenta importante para mim na forma como me apresento. Tem o poder de contar uma história sem palavras e, mais importante, tem o poder de fazer você se sentir bem.

 

Adoro usar a moda como ferramenta de empoderamento e para derrubar crenças limitantes sobre as mulheres, especialmente as mulheres no local de trabalho. Minha missão é me vestir para mim, e para mais ninguém, e criar uma nova narrativa de como o “traje profissional” pode ser.

LM: Entrar na Forbes 30 Under 30 é um conquista muito grande, qual foi sua primeira reação? 

BCR: Me senti extremamente honrada e honestamente bastante surpresa, porém, procuro não me fixar tanto em aprovações externas, pois não podemos controlar essas coisas. Aprendi que encontrar uma sensação de sucesso e felicidade realmente vem de dentro, e parte disso é aprender a aproveitar o processo. É uma lente que decidimos colocar!

LM: Tendo nascido na Suécia, como foi a transição para Nova York? 

BCR: Minha vida na Suécia parece muito distante hoje, pois passei os últimos 8 e a maior parte da minha vida adulta em Nova York.  No entanto, quando me mudei para os Estados Unidos, lembro de me sentir muito sozinha. 

 

Eu não conhecia ninguém e meu namorado na época (agora marido!) viajava muito e, para minha surpresa, foi difícil fazer novos amigos no começo porque eu passava todo o meu tempo trabalhando. 

 

Também me lembro de ter passada por alguns confrontos culturais e  preconceitos inconscientes. Uma coisa de que me lembro foi de receber feedback no trabalho referente à minha franqueza que, na Suécia, é algo completamente natural.

LM: O que você mais gosta em Nova York? 

 

BCR: Adoro a energia, a diversidade, o espaço de crescimento e individualidade que existe aqui. Não me vejo morando em outro lugar, amo tanta coisa em Nova York e isso traz à tona o meu lado mais criativo,

LM: Qual é o seu restaurante favorito na cidade? 

 

BCR: abcV em Manhattan e Colonie no Brooklyn. 

LM: Do que você mais sente falta na sua cidade natal? 

 

BCR: Minha família e minha irmã. Sou muito próxima da minha família, então não tê-los presentes agora é, definitivamente, a parte mais difícil para mim. Também sinto falta do sul do interior da Suécia no verão. É muito especial para mim!

LM: Como sua descendência latina influencia sua vida pessoal e profissional? 

BCR: Os rituais sempre foram algo profundamente enraizados na minha educação. Tenho muitas lembranças com minha família relacionadas a rituais – principalmente os de beleza.

Minha mãe me ensinou desde cedo a importância do autocuidado, e ela mostrou isso simplesmente praticando para si mesma.

 

Ela se entregava descaradamente a banhos de 2 horas, e todos na família sabiam que não deveria perturbá-la durante esse período! Ela também mostrou isso na forma como tratava a pele e o cabelo com produtos nutritivos focados em hidratação e cuidado.

 

À medida que envelheci, em vez de lutar contra a textura natural do meu cabelo, aprendi a abraçar o cabelo que tenho e a tratá-lo bem para que possa ser a melhor versão de si mesmo! 

 

Através da Ceremonia, presto homenagem à minha cultura latina porque há muito a ser celebrado. Dos poderosos ingredientes nativos da região, aos ricos rituais em torno da beleza como forma de autocuidado e amor próprio, sem falar na atenção ao cuidado que envolve a beleza como um todo.

LM: Como você mantém sua criatividade no dia a dia? 

 

BCR: A inspiração nos cerca o tempo todo, mas para acessá-la é necessário aprender a sair da mentalidade do “fazer” de vez em quando. Sempre haverá aqueles dias em que você precisa se esforçar mais, mas é importante também permitir o espaço para o tempo de inatividade. Geralmente é quando minha criatividade entra em ação. 

 

A meditação é uma ótima ferramenta para isso, assim como as manhãs sem telas ou uma longa caminhada com meu bebê. A conexão pele a pele imediatamente me acalma e me faz presente. Em geral, a desconexão do meu telefone é minha chave para me inspirar e manter a criatividade!

LM: Você tem algum hábito ou ritual que não abre mão?

 

BCR: Minhas noites são onde eu posso ter tempo para mim e entrar em rituais de beleza que me ajudam a relaxar e sentir uma sensação de spa em casa. 

 

Meu ritual preferido é aplicar alguns de meus produtos favoritos da Ceremonia no meu couro cabeludo e seguir com uma massagem suave com nosso massageador de couro cabeludo para estimular a circulação do fluxo sanguíneo e ajudar a promover o crescimento saudável do cabelo. 

 

Em seguida, coloco nossa bandana de spa e deixo o óleo durante a noite para obter resultados aprimorados, lavando com xampu e condicionador pela manhã. 

Eu costumo combinar este ritual com uma máscara facial, algumas das minhas favoritas incluem a Tata Harper Clarifying Mask e  MANTLE’s Dream Mask.

LM: De onde surgiu a ideia de criar uma linha de produtos capilares? 

 

BCR: Senti um vazio no mercado para uma abordagem de bem-estar ao cabelo, juntamente com o desejo de aumentar a representação latina na beleza. Para mim, é óbvio que o futuro da beleza é limpo, sustentável e inclusivo, mas a maioria das marcas de cuidados com os cabelos no mercado não é nada disso. 

 

O setor do cabelo foi dominado por uma abordagem de estilo X cuidado, com forte ênfase em celebridades e looks de tapete vermelho. A Ceremonia está lançando essa narrativa por meio de uma abordagem de bem-estar capilar enraizada na herança latina. Alimentado por ingredientes naturais da América Latina, co-criados com nossa comunidade, o Ceremonia tem a missão de redefinir o corredor capilar.

LM: Além de uma ótima profissional você também é uma super fashionista, pode nos dar uma dica de estilo que você não vive sem? 

 

BCR: Vestir-se para o sucesso é definitivamente uma coisa real. Quando você usa a moda como ferramenta no seu dia a dia, se vestindo com o objetivo de se sentir bem, isso pode fazer a diferença. Eu amo quando minha aparência me faz sentir empoderada e pronta para conquistar o mundo, versus um visual que não me parece confortável ou natural. 

LM: Qual é a sua peça de roupa favorita no seu guarda-roupa? 

 

BCR: Um vestido Carolina Herrera inspirado em artesãos mexicanos. É uma daquelas peças para sempre. 

 

LM: Por último, há algo que as pessoas ficariam surpresas em saber sobre você? 

 

BCR: Adoro cozinhar e sempre cozinhava para meus amigos enquanto estudava, tanto que eles começaram a se referir ao meu apartamento como ‘Babba’s Bakery’, eu adoro!